Rupert revela que já se sentiu culpado por mentir na época de Harry Potter

12 de nov de 2017

Grint também revelou que passou por uma suspeita de câncer de pele um dia antes de começar a filmar Sick Note.


Em seu trabalho mais recente para TV, a série Sick Note (Atestado Médico, em tradução livre), lançada este mês no canal SKY1, Rupert dá vida a Daniel Glass, que é diagnosticado com um câncer fatal. O jovem começa a notar como todo mundo ao seu redor passa a tratá-lo melhor após a descoberta da doença. Quando descobre que o diagnóstico estava errado, ele tem que tomar uma grande decisão: voltar para sua péssima velha vida ou fingir estar doente.

Quando ele viu o roteiro de Sick Note, um humorístico britânico que gira em torno de um diagnóstico errado de câncer, ele teve suas dúvidas.

"Eu estava preocupado porque o câncer é meio que um tabu, não é necessariamente engraçado", disse ao The Sun.

"Eu tinha meus receios sobre isso porque nos primeiros rascunhos havia algumas piadas onde reagimos tipo: 'Whoah'. Mas é muito obscuro, que é o que me atraiu. Há um lado muito obscuro do meu senso de humor".

Daniel Glass, que é diagnosticado câncer após visitar o incompetente Dr. Ian Glennis (interpretado por Nick Frost).

A notícia realmente muda de rumo a vida dele, quando então o Dr. Glennis admite que cometeu um erro e Daniel não está realmente doente, mas o rapaz decide não contar isso pra ninguém

"Daniel é alguém que parou de progredir na vida, perdeu toda a paixão por seu relacionamento e pelo trabalho, e é feliz assistindo Game Of Thrones e jogando PlayStation constantemente", disse Rupert. "Então, de repente, ele recebe a pior notícia possível, o que o muda completamente”.

Sick Note - SKY One


"Quando ele é diagnosticado, todo mundo começa a tratá-lo muito melhor e seu relacionamento de repente volta à vida. Isso faz com que a decisão de ‘continuar com o câncer’ seja muito mais fácil para Daniel - é uma grande decisão, mas sua vida é muito melhor com o câncer. Só que a mentira sai completamente do controle e isso piora e mais perturbador em cada episódio”, contou.

Segundo Rupert, trabalhar com Nick Frost foi um grande desafio. Ele revelou que acha Nick tão engraçado a ponto de ter que se esforçar para manter o rosto sério durante as filmagens: “Essa foi a coisa mais desafiadora sobre filmar essa série, estar no set com ele, porque ele é muito hilário" revelou.

Ele também estrela Sick Note ao lado de Don Johnson, da série Miami Vice.
"Eu assisti às reprises e meu pai gostava muito da série", disse. "Don foi ótimo e trouxe uma energia diferente para o set. Ele era um terremoto completo - uma força americana que mudou tudo".

Rupert realmente gostou muito de fazer essa série, mas houve um momento em que tudo pareceu bem próximo da sua realidade.

"Na verdade, tive uma suspeita de câncer um dia antes de começarmos a filmar", explica ele. "Eu tinha uma marca na pele que doía, mas era só um sinal. Eu estava convencido. Pensei: 'As pessoas ruivas são mais propensas a ter melanoma', e era uma marca nova que eu nunca tinha visto e isso realmente me assustou".

"O câncer é aterrador. Quando tivemos que fazer as cenas de diagnóstico, só de ouvir alguém dizer: ‘Você tem câncer’ é uma coisa tão forte. De certa forma, é bom rir sobre isso, você passa a dominar isso. Depois de fazer isso, não estou tão assustado".

Daniel Glass - SKY One


Mas será que o Rupert já se sentiu culpado por mentir?


"Com certeza!", ele admitiu. "Eu tive gripe suína próximo de um evento para promover um dos filmes Harry Potter. Me lembro de receber muita atenção por causa disso e as pessoas estavam se preocupando de verdade - foi muito bom!".

"Então eu fingi estar doente por mais um tempo ... entendo por que Daniel faz isso”, contou.

 “A série não vai agradar todo mundo, mas espero que atraia algumas pessoas excêntricas!"

Apesar do Rupert ser uma estrela de uma das maiores franquias de filmes de todos os tempos ele continua com os pés no chão, sem deslumbramentos.

"Tirar selfies se tornou uma coisa cotidiana", ele encolhe os ombros. "É como pessoas pedindo informações, você se acostuma com isso. Eu nunca me sinto famoso. É uma existência incomum, mas não tenho arrependimentos".

Sick Note estreou no canal SKY1 no dia 07 de novembro. Ainda não há informações sobre a distribuição da série no Brasil.


Prestes a estrear em Sick Note, Rupert conta como é difícil se desassociar de Rony Weasley

11 de out de 2017

Mesmo após participar de outros trabalhos no cinema - e também no teatro - após o último filme da franquia Harry Potter, Rupert pode estar agora no caminho para se estabelecer de fato como um ator, mesmo sabendo que seu personagem Rony Weasley sempre será relacionado em praticamente tudo o que ele faz.

Ele diz não ter nenhum problema em ser lembrado para sempre como o melhor amigo de Harry Potter,  no entanto revelou ao repórter do Independent  que está curtindo distanciar-se das associações entre ele e Rony Weasley, para interpretar um mentiroso compulsivo em sua nova série de comédia, Sick Note, que estreia no próximo mês.

Questionado pelo Independent se ao terminar as filmagens do último Harry Potter, ele sentiu necessidade de fazer um trabalho muito diferente para se estabelecer como ator, Rupert não se esquivou:

"Havia esse tipo de pressão, sim, mas não acho que eu tenha tomado uma decisão realmente consciente de procurar coisas que eram essencialmente chocantes. Nunca foi intencional, aconteceu. Eu definitivamente queria fazer teatro, porque é uma técnica bastante diferente", contou.

"Tudo que eu queria era trabalhar em algo com foco no personagem e um bom roteiro. Os filmes e livros de Harry Potter são tão amados por gerações após gerações que sempre estarão comigo. O desafio é quebrar isso gentilmente de vez em quando, e fazendo coisas diferentes", completou.

O próximo trabalho dele a ser lançado, a comédia Sick Note é um desses papéis diferentes. O Independent analisou a quantidade de papéis que surgem para ele e - independentemente de quão financeiramente estável Rupert é - questionou se ele escolhe os papéis cuidadosamente.

"Eu acho que sim", Grint respondeu vagamente. "Não é algo que penso muito a respeito, mas os papéis são bons, além de ter pessoas criativas redor deles".

Sobre Sick Note, ele assegurou "foi tudo por causa do roteiro, e - até sei que você deve ter ouvido isso muitas vezes - eu nunca tinha lido nada como aquilo antes".

Sick Note (Atestado Médico, em tradução livre)


O roteiro da série é co-escrito por James Serafinowicz e Nat Saunders, e também é estrelada por Nick Frost e Don Johnson (e Lindsay Lohan, na segunda temporada). Rupert interpreta o mentiroso compulsivo Daniel Glass, um cara à deriva em um trabalho que odeia e que está em um relacionamento que ele não está interessado. Sua vida muda radicalmente quando ele é diagnosticado com câncer esofágico, então a partir daí as pessoas começam a vê-lo sob uma nova perspectiva e passam a tratá-lo com atenção e respeito.

Inicialmente Daniel fica perturbado com a notícia de sua morte iminente, mas descobre em si uma nova explosão de energia - ele não viverá por muito tempo, então decide começar a aproveitar ao máximo o tempo que ele ainda tem. A reviravolta da narrativa, no entanto, é que Glass foi erroneamente diagnosticado por um médico incompetente. Sendo um mentiroso compulsivo, no entanto, continua a enganar aqueles que o rodeiam.

"É um assunto bastante desafiador para uma comédia", ponderou. "É sombrio, e traz uma nova percepção sobre isso. Adorei a idéia de como uma mentira pode acabar totalmente fora de controle, tornar-se uma coisa impossível de manter, e como tantos personagens diferentes ficam emaranhados nela (a mentira)", completou.

Rupert está entusiasmado com a confirmação da segunda temporada de Sick Note. O estilo de desenvolvimento do trabalho para TV, que continua a atrair tantos grandes atores e diretores de cinema, combina com ele, notou o repórter do Independent. Apesar de ter participado de uma enorme produção do cinema durante anos, Rupert não deixa de exaltar as produções para TV.

"Harry Potter foi uma coisa única. Ter a oportunidade de assumir um personagem, e permitir-se desenvolvê-lo durante um longo período de tempo, não o tipo de coisa que acontece com muita frequência, especialmente com a mesma pessoa interpretando o mesmo personagem. Os programas de televisão (as séries) podem fazer isso muito bem - basta olhar para os Emmy Awards mais recentes para saber que tantas coisas boas estão sendo feitas especificamente para a TV, seja drama ou comédia".

Ele começou a trabalhar em Harry Potter muito cedo, aos 11 anos, e permaneceu em uma produção que durou dez. Será que ainda é desafiador entrar em um personagem?

"Ah, é sim, com certeza. Coisas como Sick Note e o outro trabalho que fiz, não era como Harry Potter, é como estar no mundo real. Potter foi um processo muito incomum, uma família estabelecida que se tornou muito habitual. Interpretando o mesmo personagem, você sabia o que estava fazendo o tempo todo, e você conhecia esse personagem de dentro para fora", contou Rupert.

"É um grande desafio quando você faz outra coisa. Além disso, você deve perceber que Harry Potter foi uma grande parte do meu crescimento, tanto que Rony Weasley se tornou, meio que, parte de mim. É na verdade muito difícil para mim descobrir onde Rony termina e onde eu começo. Por isso, é difícil entrar completamente na cabeça de um novo personagem ".

Isso o inibe, de alguma forma, quando se trata de escolher papéis?

"Não sinto que é um obstáculo real, mas é algo que eu sei que tenho que me concentrar, talvez para relutar um pouco. Ajuda quando tem um ótimo roteiro, e Sick Note realmente tem.

Tem sido um desafio para Grint transitar com segurança no caminho de adolescente para  adulto, mas ele parece estar estabelecido tanto quanto uma pessoa que pode estar, dadas as circunstâncias. Ele é bastante franco sobre a experiência.

"Estar envolvido no ambiente adulto de Harry Potter, em uma idade tão jovem foi um período estranho da minha vida", ele revela. "Não tenho a mesma independência que um cara normal de 29 anos teria, e isso sempre me fez sentir um pouco mais jovem do que realmente sou. Neste sentido, me identifico com o personagem de Daniel Glass - ele luta com o fato de virar adulto e lidar com as responsabilidades".

Tendo dito isso, Grint amavelmente admite estar indo bem como adulto. "Sim! Percorri um longo caminho para isso".

No entanto, como ele admitiu, Ron Weasley está semi-impresso em sua personalidade. Mesmo agora, quase sete anos desde o filme final da HP, ele não pode caminhar por uma rua na maioria das cidades do mundo sem ser usado para um selfie.

"É uma coisa diária", ele diz com uma mistura de cansaço e aceitação. "Eu pensei que isso iria diminuir porque os anos passaram, mas novas gerações de crianças lêem os livros e vêem os filmes, então é constante".

No entanto, como ele mesmo admitiu, Rony Weasley está marcado em sua personalidade. Mesmo agora, quase sete anos desde o último Harry Potter, ele não pode caminhar pelas  ruas na maioria das cidades do mundo sem ser parado para uma selfie.

"É uma coisa cotidiana. Pensei que isso iria diminuir porque os anos se passaram, mas novas gerações de crianças lêem os livros e vêem os filmes, então isso é constante".

"Todo mundo é muito legal, é claro, mas isso é algo eu sempre estive acostumado desde muito cedo. Não é muito intrusivo, mas às vezes você só quer desaparecer", desabafou.


Sick Note estreia no dia 08 de novembro no canal Sky Atlantic. Ainda não há informações sobre distribuição da série no Brasil.


Rupert confessa que já vendeu figurinhas falsas de Pokémon na escola

29 de set de 2017


Durante uma sessão de perguntas e respostas na premiere que marcou a estreia de Snatch, ontem (28/09) no Reino Unido, Rupert foi questionado se ele, alguma vez, havia feito alguma coisa, digamos, maldosa.

 E ele fez uma confissão inusitada sobre sua época escolar.

 “No parquinho, eu costumava vender figurinhas falsificadas dos Pokémon”, revelou na entrevista.

 E em seguida contou como fazia essa jogada de mestre: “Você apenas as imprime. As brilhantes eram difíceis de fazer” ele brincou.

 Talvez nem Charlie Cavendish teria tido tamanha ousadia!



Snatch é uma série original Crackle e já está disponível para algumas operadoras, em algumas regiões, no Brasil.

Snatch passará a ser exibida no Reino Unido pelo canal AMC

13 de set de 2017


A partir do dia 31 de outubro, a série Snatch, estrelada pelo Rup, passará a ser exibida no Reino unido pelo canal AMC, exclusivamente para clientes do serviço de tv por assinatura British Telecommunications (BT).

O canal AMC é famoso por exibir séries de grande sucesso como The Walking Dead, Breaking Bad, Better Call Saul, entre outras.

No Reino unido o canal AMC pode ser visto pelos clientes da operadora Sky, que possuam um pacote específico do BT.

No Brasil o canal AMC também está disponível na Sky e outras operadoras de diversas regiões do país.

No entanto, ainda não temos informações oficiais sobre a exibição da série no Brasil, além da plataforma oficial do Crackle.

Fiquem ligados!

Feliz aniversário, Rupert! Feliz aniversário, RGBR!

24 de ago de 2017
Hoje, 24 de agosto de 2017, o nosso querido Rupert completa 29 anos!!!
Temos muito orgulho de acompanhar a vida (carreira) desse carinha tão especial. Você que acompanha o Rupert conosco com certeza sabe o quanto ele é ÚNICO!

Também, hoje, o Rupert Grint Brasil completa 13 anos de existência. É um prazer estar aqui acompanhando, divulgando e compartilhando todos os projetos do Rup com o fandom brasileiro.

Que bom que você existe, Rupert!

Happy Birthday, Rupieee!!!